Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
RECONHECIMENTO

Tese de doutorado de docente do IFG Anápolis conquista o 1º lugar em concurso nacional

Trabalho do professor Sérgio Canuto foi considerado o melhor em seleção promovida pela Sociedade Brasileira de Computação

  • Criado: Sexta, 15 de Outubro de 2021, 09h23
  • Última atualização em Quarta, 20 de Outubro de 2021, 14h42
imagem sem descrição.

tese de doutorado do professor Sérgio Daniel Carvalho Canuto, que atua no curso de Ciência da Computação do Instituto Federal de Goiás (IFG) – Câmpus Anápolis, conquistou o primeiro lugar de sua categoria no 4°Concurso de Teses e Dissertações do Simpósio Brasileiro de Banco de Dados, que é organizado pela Sociedade Brasileira de Computação (SBC). O resultado final foi divulgado no último dia 8 de outubro em evento virtual realizado neste link.

O professor Sérgio Canuto fez seu doutorado na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e defendeu o trabalho intitulado “A Thorough Exploitation of Distance-Based Meta-Features for Automated Text Classification” no dia 22 de novembro de 2019 em Belo Horizonte (MG). Sua tese foi orientada pelo professor Marcos André Gonçalves (UFMG) e teve o professor Thierson Couto Rosa (UFG) como coorientador.

Nesta edição de 2021, foram classificadas as melhores teses de doutorado em Banco de Dados do país que tenham sido concluídas, defendidas e aprovadas no período de 1º de janeiro de 2019 a 31 de dezembro de 2020. Foram definidos seis trabalhos finalistas, sendo três na categoria “dissertação de mestrado” e mais três classificados na categoria “tese de doutorado”. O concurso é promovido de dois em dois anos.

 

CONTRIBUIÇÃO PARA COMUNIDADE CIENTÍFICA

O professor do IFG Anápolis destaca que, durante as apresentações da etapa final do concurso de teses e dissertações, ficou evidente a enorme quantidade de contribuições que os brasileiros têm oferecido para o tratamento inteligente de bases de dados. “A notícia que obtivemos da premiação no primeiro lugar do concurso foi vista por mim e por todos que acompanharam o trabalho como um reconhecimento importante das nossas contribuições pela comunidade brasileira de cientistas que atua no tratamento automático de dados com ferramentas da computação”, celebra Sérgio Canuto.

Ele acrescenta que um dos pontos mais relevantes dessa premiação é a divulgação das contribuições para comunidade acadêmica e pelo consequente potencial para atrair futuras parcerias e novos desdobramentos do trabalho desenvolvido em futuras aplicações. “Fiquei muito feliz em saber que todo o apoio que recebi do IFG, UFMG, UFG, colegas e orientadores resultou em um trabalho de qualidade”, comemora o docente do Câmpus Anápolis.

  

Confira um resumo do trabalho do professor Sérgio Canutoclicando aqui.

 

  

Coordenação de Comunicação Social/Câmpus Anápolis

Fim do conteúdo da página