Ir direto para menu de acessibilidade.

GTranslate - Tradução do site

ptenfrdeitesth

Opções de acessibilidade

Você está aqui: Página inicial
Início do conteúdo da página
Ranking

Bacharelado em Ciência e Tecnologia de Alimentos recebe 4 estrelas no Guia da Faculdade do jornal Estadão

Criado: Terça, 26 de Outubro de 2021, 18h08 | Última atualização em Quarta, 10 de Novembro de 2021, 16h49

Para elaborar o ranking, a equipe do Guia colheu a opinião de milhares de professores que atuam no ensino superior

O Guia da Faculdade, do jornal Estadão em parceria com a Quero Educação, foi divulgado no último domingo, 24 de outubro. O curso de bacharelado em Ciência e Tecnologia de Alimentos do IFG-Câmpus Inhumas recebeu quatro estrelas no Guia, conceito que é classificado como "muito bom", já que o resultado máximo possível era o de cinco estrelas.

Para elaborar o ranking apresentado, foram analisados quase 16 mil cursos superiores em todo o Brasil. Mais de 9 mil coordenadores e professores do ensino superior se cadastraram para atuar como avaliadores (trabalho sem remuneração) do Guia da Faculdade. O coordenador de cada curso que foi avaliado recebeu um questionário no qual apresentou as principais características da sua graduação, com foco em três aspectos: projeto pedagógico, corpo docente e infraestrutura.

Esforços

De acordo com a coordenadora do bacharelado em Ciência e Tecnologia de Alimentos, professora Simone Silva Machado, o Guia da Faculdade é uma publicação abrangente e atualizada de avaliação dos cursos de graduação no Brasil, o que confere uma ótima visibilidade ao curso. "Este desempenho é reflexo do envolvimento da gestão e dos servidores técnico-administrativos e docentes com as questões relacionadas à qualidade da formação do estudante do câmpus. Processos de avaliação como este são instrumentos indispensáveis para analisarmos os resultados dos esforços da instituição como um todo", comentou.

A professora ainda destacou que, para a sociedade, esse diagnóstico de cursos proporciona uma importante ferramenta àqueles que estão em busca de uma instituição para ingressarem. "Além disso, o Guia da Faculdade também serve como referência ao recrutamento de profissionais pelo mercado de trabalho. O resultado nos estimula ao constante aperfeiçoamento acadêmico para que o desempenho do curso seja cada vez melhor, com melhores índices de aproveitamento e com a oferta aos estudantes de uma formação cada vez mais efetiva", afirmou Simone.

 Saiba mais sobre o Guia da Faculdade - Estadão.

 

 

(Coordenação de Comunicação Social/Câmpus Inhumas)

Fim do conteúdo da página